11 99231-6498
Language:
Apresentação
11 99231-6498
SIGA-NOS

Publicações 2020

E chegou a Primavera – Aproveitem as trilhas de Itu

Trilha do Saber é um passeio cultural monitorado pelo centro histórico de Itu. No momento esta suspensa por causa da pandemia.
É tempo de aproveitar a natureza em flor. Vamos recordar algumas trilhas da Estância Turística de Itu para aqueles que gostam de caminhar ao ar livre percorrendo paisagens sem igual. A Estrada Parque que liga Itu a Cabreúva é um bom exemplo de uma das mais belas trilhas, com 18 km de extensão sob o teto da mata atlântica. Um passeio que também pode ser feito de bike, cavalo ou charrete.

O percurso, beirando o Rio Tietê, apresenta espaços para acampar, além da possibilidade de ver de perto uma usina hidroelétrica e poder visitar a Fazenda do Chocolate, tradicional ponto de parada de turistas. Ela oferece um mini zôo, ótimo passeio em meio a um cafezal, além de restaurante e lojinhas de doces caipiras.

No Parque do Varvito, perto do centro histórico de Itu, o turista, além de tomar contato com a rara formação rochosa, muito estudada pelos geólogos, que é do tempo em que geleiras passearam pela cidade, há 280 milhões de anos, pode andar por trilhas incomuns.

A Trilha do Saber, uma das mais famosas de Itu, é cultura pura. Para ver o calendário de quando serão realizadas é preciso se inscrever na Secretaria de Turismo – (11) 4023-1544. Trata-se de um evento tradicional de Itu que permite um passeio pelo centro histórico da cidade acompanhado por um turismólogo  da própria Secretaria.

O roteiro cultural de conhecimento é precioso. Começa no Cruzeiro de São Francisco, erguido no antigo largo de São Francisco (atual Praça Dom Pedro I), em frente à Casa Imperial. O Cruzeiro é a única memória que restou do imponente conjunto formado pelas edificações da Igreja São Luís de Tolosa, do Convento e da Capela da Ordem Terceira, erguidos pelos padres Franciscanos entre os Séculos XVII e XVIII.

O passeio segue pela Fábrica São Luiz, onde funcionou a primeira tecelagem a vapor do Estado de São Paulo, inaugurada em junho de 1869. Encerrou suas atividades em 1982 e, hoje, se transformou em um Espaço Cultural.
Seguindo pela Rua Paula Souza, a próxima parada é a Igreja do Bom Jesus, que além de grande biblioteca católica também abriga o Santuário Nacional do Sagrado Coração de Jesus, construído em estilo neo-renascentista, em 1904. Seu interior é magnífico com vitrais multi coloridos.

Depois, o roteiro mostra o Bar do Alemão, tradicional restaurante de Itu, alguns antiquários e o Museu da Energia que conta a história da eletrificação da cidade e região. A próxima parada é a Praça Padre Miguel, com vários exemplos de casario colonial, comércios das tradicionais “coisas grandes” e a Igreja de N.S.da Candelária, Matriz de Itu, maior monumento de estilo barroco do Estado de São Paulo.

A seguir, o Museu Republicano que coloca Itu na História do Brasil. Naquele prédio foi realizada a Convenção Republicana, em 14 de abril de 1873, que definiu a campanha para derrubar a Monarquia e instituir a República Federativa no País. Mais um pouco se chega à Biblioteca da República com enorme acervo sobre a força política de Itu no século 19. E, finalmente, no final da Rua Barão do Itaim, surge a majestosa Igreja de N.S. do Carmo, com muitas relíquias da época de sua construção em 1777.

No momento, a Trilha do Saber esta suspensa em virtude da pandemia.
 


www.grandeitu.com.br
Raul Machado Carvalho – Editor
grandeitu@grandeitu.com.br