11 99231-6498
Language:
Apresentação
11 99231-6498
SIGA-NOS

Publicações 2020

Primeira Virada Paulista será na cidade de Salto

Atrizes e Bailarinas da Cia. Base gravaram performance na Ponte Estaiada da Estância Turística de Salto.
A primeira Virada Paulista no Estado de São Paulo com festival de música, artes cênicas e cultura urbana começa no dia 22 de agosto, em Salto, com mais de 12 horas de diversas atrações culturais, e transmissão pela plataforma de streaming e vídeo cujo link é https://culturaemcasa.com.br/virada-sp-online/, criado pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

Enquanto a Virada São Paulo presencial não acontece em função da pandemia e da necessidade de distanciamento social, a primeira edição deste ano, será realizada no próximo fim de semana, em Salto, no formato digital.

O evento será realizado a partir das 16h de sábado e prossegue até as 5h de domingo, 23 de agosto. Trata-se de uma iniciativa da Secretaria estadual, em parceria com a organização social Amigos da Arte e a Prefeitura de Salto.
Selecionada por meio de chamada pública no âmbito do programa Juntos pela Cultura, realizado pela Secretaria, a cidade de Salto recebeu o título de “Capital Cultural do Estado de São Paulo”, pela potência e pela diversidade de suas expressões culturais e pelo apoio da Prefeitura ao setor.

Originalmente, a Virada SP de Salto seria presencial, mas a pandemia do coronavírus não permitiu. “O adiamento deixou uma grande expectativa em toda a região", diz Célio Bueno, Secretário de Cultura de Salto. A alternativa foi realizar o evento on-line.

Paulo Miklos, um dos artistas selecionados para o evento, não esperava que a Virada SP de Salto se transformaria na primeira Virada SP On-line. “Imaginamos em março que seriam algumas semanas de paralisia e já se passaram alguns meses”, conta ele. “Agora precisamos fazer neste novo formato, que tem tudo para alcançar um público ainda maior.”
“Com a impossibilidade de realizar o evento presencialmente, a Secretaria formulou a proposta de fazer a Virada SP no formato virtual, de modo a manter o evento em 2020, para celebrar a força da cena cultural de Salto e ampliar o acesso da população a uma programação cultural de qualidade”, explica Sérgio Sá Leitão, secretário de Cultura e Economia Criativa de São Paulo.
 
 

www.grandeitu.com.br
Raul Machado Carvalho – Editor
grandeitu@grandeitu.com.br